segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Núcleo de Educação Ambiental da Semed/Rio Largo promove mostra de trabalhos desenvolvidos nas escolas do município

Adnilson Malta
Conscientização ecológica e criatividade marcam a abertura da Mostra de Educação Ambiental realizada pela Semed/Rio Largo na última quinta-feira (21). A Mostra teve como objetivo socializar com a comunidade os trabalhos de educação ambiental desenvolvidos pelas escolas e realizar a avaliação dos projetos de acordo com a linha de pesquisa proposta pelo Programa de Educação Ambiental Lagoa Viva. 

O evento foi realizado na praça São Benedito no Centro de Rio Largo e contou com a apresentação de trabalhos de 22 escolas do município, sendo três estaduais e 18 municipais. Os trabalhos foram avaliados por uma comissão formada pelos professores Edilson Marinho e Dilma Calheiros, representando a Secretaria de Educação de RioLargo, Nayane Ellen Gomes, estudante do Curso de Educação Ambiental da CEAP/UNOPAR, Welington Gomes, secretário de educação do município de Chã Preta, e pela coordenadora do Núcleo de Educação Ambiental da Semed/Rio Largo, Eliene de Araújo.

Além da exposição dos trabalhos, como o conhecido parque de diversões feito com material reciclado criado por Marcio Augusto, aluno da Escola Evanda Carneiro, a Mostra contou ainda com apresentações de coco de roda, paródias, desfile com roupas feitas de material reciclado entre outras atrações.

Segundo a professora Eliene de Araújo, o evento visa despertar na comunidade escolar e na sociedade em geral o compromisso com questões ambientais que estão presentes no dia a dia da população. “Diante das novas preocupações do mundo e dos acontecimentos referentes às mudanças climáticas se faz necessário um planejamento de ensino com ações que possam contribuir para mudar os hábitos das pessoas, estimulando a conscientização e a preservação do meio ambiente”, afirmou.

A Mostra contou com o apoio e a participação da Coordenadora da Educação Ambiental do Instituto Lagoa Viva, Josileide Gomes Santos, do Técnico do Instituto Lagoa Viva, Alexandre dos Santos, da coordenadora do Elo da Educação Ambiental da 12ª CE, Izabel Cristina de Oliveira, e de representantes da Semed/Rio Largo (secretário de educação, técnicos, diretores e professores) que contribuíram no apoio logístico e na organização do evento.

O secretário de educação de Rio Largo, Hélvio Soares, salientou a importância da contribuição do Programa Lagoa Viva para a educação ambiental no município e no Estado e confirmou que “a prefeitura de Rio Largo, por meio da secretaria de educação, cutinuará dando total apoio às ações que tenham por objetivo minimizar a degradação dos ecossistemas da nossa região”.

A coordenadora do Núcleo de Educação Ambiental informou ainda que a próxima avaliação acontecerá no VIII Congresso de Educação Ambiental que será realizado nos dias 13, 14 e 15 de dezembro no Centro de Convenções (Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso), em Maceió.

O Programa de Educação Ambiental Lagoa Viva é uma iniciativa da Braskem em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de Alagoas e com as comunidades que habitam as áreas ao redor do complexo estuarino-lagunar Mundaú-Manguaba, em Alagoas.

video
Marcio Augusto, aluno da Escola Evanda Carneiro, apresenta aos colegas o seu parque feito com material reciclado. Todo processo de criação é feito pelo próprio Márcio, que aprendeu a soldar e a fazer pequenas instalações elétricas com seu pai. O aluno recebeu apoio da prefeitura de Rio Largo para participar de conferências no Estado e já exibiu seu trabalho em eventos como o SBPC Mirim, realizado em novembro de 2009 em Maragogi, e a Conferência Estadual Nordeste de Ciência, Tecnologia e Inovação, que aconteceu em abril de 2010 no Centro de Convenções de Maceió.
Paródias, coco de roda, apresentações teatrais e desfiles com roupas feitas de material reciclado foram algumas das atrações da Mostra.
Eliene Araújo(E), coordenadora do Núcleo de Educação Ambiental da Semed/Rio Largo, e Hélvio Soares, secretário de educação, posam para foto com representantes do Programa de Educação Ambiental Lagoa Viva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário